The Mandalorian (Fonte: Reprodução)
The Mandalorian (Fonte: Reprodução)

Com menos de um mês desde sua estréia em The Mandalorian, “Baby Yoda” já causou uma impressão maior nas mídias sociais do que alguns candidatos presidenciais democratas nos Estados Unidos, segundo um novo relatório da Axios.

Os dados coletados refletem quantas interações sociais os artigos de cada um tiveram e, com os candidatos tendo muito mais artigos escritos sobre eles ao longo dos meses, o menor número de artigos sobre o portador da Força que recebe mais interações comprova seu poder nas mídias sociais.

Além disso, os dados coletados pelo site não representam todas as postagens de mídia social relacionadas a cada identidade, provavelmente tornando o poder de mídia social da Baby Yoda ainda mais forte.

O site observa que “em termos de interações brutas desde 12 de novembro, os 2,28 milhões de Baby Yoda seguem apenas o grupo de pioneiros da corrida democrata – Joe Biden (8 milhões), Bernie Sanders (2,9 milhões) e Elizabeth Warren (2,53 milhões). Mas a taxa de interações é enorme quando você considera que Baby Yoda seria apenas a 10ª posição em termos de número de artigos (1.368) escritos sobre isso”.

Como todo mundo que esteve nas redes sociais nas últimas três semanas notou, os memes e GIFs de Baby Yoda sobrecarregaram os usuários, devido em grande parte à sua surpreendente estreia na primeira série live-action de Star Wars, no Disney+, sem nenhum aviso prévio.

O criador da série, Jon Favreau, compartilhou anteriormente que ficou satisfeito pela Disney manter o merchandising da personagem em segredo para preservar a surpresa dos espectadores.