Finalmente chegou a hora dos mutantes se juntarem ao Universo Cinematográfico Marvel. Durante o painel da Marvel Studios na San Diego Comic Con, o presidente do estúdio, Kevin Feige, revelou que os X-Men estão chegando ao MCU.

Praticamente nenhum detalhe foi revelado sobre isso. Afinal, estão nos estágios iniciais. Mas isso é algo que os fãs estavam esperando há muito tempo. Então, nos próximos anos, personagens como Wolverine e Tempestade podem existir ao lado de Thor e Doutor Estranho. Em teoria.

Kevin Feige foi modesto na hora de revelar que os X-Men chegarão ao MCU. Enquanto ele estava disposto a dizer “Quarteto Fantástico”, ele simplesmente disse “mutantes” no painel. Mas isso foi mais que suficiente para levar a multidão a um frenesi.

Os X-Men se tornarão parte da MCU graças à compra de US$ 71 bilhões da Fox pela Disney. Assim, a Disney adquiriu também os direitos dos X-Men e do Quarteto Fantástico. Como a Disney também é dona da Marvel, os direitos dos personagens estão de volta em suas mãos e podem ser usados ​​em projetos futuros. E é exatamente isso que Kevin Feige e companhia planejam fazer.

Como os mutantes chegarão?

Neste estágio, não está claro onde eles estão no processo de desenvolvimento quando se trata de integrar os X-Men no MCU. Feige disse em várias entrevistas antes da SDCC que levarão vários anos até vermos um reboot, já que eles tinham a Fase 4 planejada antes que o acordo de compra entrasse em vigor. Mas podem ser menos anos do que estamos imaginando. Afinal, o Quarteto Fantástico já foi confirmado e rumores apontam que o longa deve sair ainda na Fase 4, ou seja, até 2021.

Sabemos que parte do que faz o MCU funcionar tão bem é planejar seus filmes com anos de antecedência. Então, não deve ser diferente com suas séries. Sabemos também que suas séries terão influência no MCU, com a mais abordada ate agora sendo a conexão entre WandaVision e Doctor Strange in the Multiverse of Madness. Dessa forma, não seria impossível trazer os mutantes em uma série antes de levá-los para o cinema, não é?