Rick and Morty (Fonte: Reprodução)
Rick and Morty (Fonte: Reprodução)

Quando Rick and Morty voltar para uma 4ª temporada em novembro de 2019, a série animada terá que lidar com uma grande pergunta deixada pelo final da 3ª temporada: A Beth Smith que vimos no season finale é a verdadeira Beth ou um clone?

Com Jerry de volta ao núcleo familiar, a questão sobre a legitimidade de Beth pode ser o enredo mais importante. Mas também pode ser outro mistério que a série resolva ignorar completamente. O penúltimo episódio da terceira temporada, The ABC’s of Beth, mostra Rick dando para Beth a escolha de abandonar sua família, deixando um clone em seu lugar.

Caso estejamos acompanhando um clone, e se a Beth real voltar, pronta para recuperar sua vida, e ela tiver que matar seu próprio clone? De que lado a família estaria? E se acabássemos com duas Beth morando juntas? Certamente as possibilidades são ilimitadas se tratando dessa animação.

O ABC de Beth

Quando Beth era criança, ela pedia a Rick por todos os tipos de aparelhos insanos e perturbadores. Há armas de raio, um chicote que força as pessoas a gostarem de você e até um canivete rosa senciente” só para citar alguns. “Você era uma criança assustadora, cara”, Rick diz para ela no presente da série. Eventualmente, ele estava tão farto que ele “desmoronou um quantum tesseract” para criar Froopyland, um universo de bolso processualmente gerado que se parece com Candyland com formas de vida artificiais e uma série de protocolos de segurança.

No final de “O ABC de Beth“, Rick se oferece para clonar sua filha, que é exatamente como seu pai, para que ela possa descobrir quem ela é sem ter que se preocupar com tudo o que deixou para trás. O clone ficará para trás para fazer seu trabalho, cuidar de seus filhos e até assistir The Bachelor por ela. Então ela desaparecerá assim que a verdadeira Beth decidir voltar com a promessa de que seu clone “tem zero chance de se tornar algo como em Blade Runner“.

A escolha de Beth é deixada propositalmente ambígua, para que o público seja obrigado a escolher um lado para si.

The Rickchurian Mortydate

Ao invés de ignorar o acontecimento ou esperar até a 4ª temporada para trazer o caso à tona, Rick and Morty volta a ele no episódio seguinte, The Rickchurian Mortydate. Embora tudo parecesse estar bem com Beth no início, ela logo se viu no meio de uma crise de identidade quando ela se perguntou se ela era o clone que a verdadeira Beth deixou para trás, para que ela pudesse sair em aventuras. Ao final do episódio, ela ainda não estava convencida de que era real, mesmo depois de se restabelecer em sua antiga (e nova) vida, reunida com seu ex-marido Jerry.

Então, o que está acontecendo? Afinal, temos um exemplo de Beth de Schrödinger de certa forma (ela é real e ela é o clone) ou já recebemos nossa resposta? E se Beth é o clone, o que acontece quando a verdadeira Beth, que pode não ter se reunido com Jerry, voltar?

Beth é um clone?

Não há dúvida sobre isso para alguns fãs que viram a Beth Smith no final da 3ª temporada. Há apenas algo diferente na matriarca Smith. E eles não conseguem considerar que ela possa ter encontrado paz consigo mesma.

Eles tomaram sua calmaria absoluta como uma espécie de reboot. Vemos que Beth tem um relacionamento muito melhor com Summer do que anteriormente, por exemplo. Lembremos que ela não soube lidar com o coração partido da filha no início da temporada.

Quando ela teve um surto mental no final do episódio, Rick dedicou um tempo para convencer Beth (enquanto tentava forjar a paz entre Israel e a Palestina) de que ela não era um clone. Mas embora ele tenha dito a ela anteriormente que um clone não ira “dar uma de Blade Runner”, isso poderia ser uma mentira.

E, curiosamente, Beth perguntou a Rick se ele algum dia diria a ela que ela era um clone. Mas ele evitou uma resposta direta quando desconversou um pouco do assunto. Sua confusão adicional a levou a procurar a ajuda de Jerry; algo que a verdadeira Beth provavelmente não faria em episódios anteriores, o que levou os dois voltando a ficar juntos (para o desgosto de Rick). Afinal, fazer com que Beth expulsasse Jerry da família era parte do motivo pelo qual ele foi para a prisão espacial!

E como vimos brevemente na primeira temporada, não é a primeira vez que encontramos um clone de Beth. Na primeira cena de Meeseeks and Destroy, Rick e Morty estão sendo perseguidos por clones de Jerry, Beth e Summer de “uma realidade alternativa possuída por espíritos alienígenas demoníacos do futuro de outra dimensão”. O clone maligno de Beth tentou apelar para Morty sendo gentil e dizendo que o amava. Isso foi o que convenceu Morty a destruir os clones, embora ele se sentisse horrível com isso depois.

Beth não é um clone?

Os fãs estão examinando minuciosamente a mudança de opinião de Beth tentando descobrir quem ela é? Talvez!

Afinal, é possível que ela finalmente tenha feito as pazes e aprendido a apreciar sua família novamente depois que as fotos na geladeira mostraram o que ela deixaria para trás. Um fã até acreditou que os ímãs estavam tentando soletrar (de uma maneira muito abstrata) a palavra “STAY” (fique).

Além da palavra de Rick de que Beth é real (o que é justo, mas nem sempre é tão confiável), ele nunca tentou matá-la. O que foi proposto por ele durante a conversa por telefone sobre se ela é um clone ou se está convencida de que é um clone.

“E só para ter certeza, você não está fingindo estar convencida de que é real, porque na verdade está convencida de que é um clone e agora está com medo de que se tornar autoconsciente significaria que eu teria que matá-la?”

Se Beth era um clone que se tornava autoconsciente, o que impediria Rick de matar esse clone e substituí-la por um novo? Ele sabe que Beth é inteligente e muito sua filha, por isso faria sentido para ele estar preparado para que pelo menos uma versão do referido clone não funcionasse. E quanto a Jerry? Não é a primeira vez que ela volta para o marido distante e medíocre.

O que realmente importa: Beth conseguiu estragar os planos de Rick

No final de The Rickshank Rickdemption, o discurso de Rick se tornou conhecido por causa de sua obsessão pelo molho Szechuan do McDonald’s. Mas não foi a única coisa sobre o que ele divagou sobre a série. Ele tirou Jerry da família porque Jerry o havia cruzado e, com Beth e Jerry se divorciando, Rick poderia se tornar o “patriarca de fato” da família de Morty.

“Acabei de assumir a família, Morty!” Rick exclamou. “E se você contar à sua mãe ou irmã que eu disse algo, eu negarei e elas ficarão do meu lado porque eu sou um herói, Morty! Agora você terá que fazer o que eu digo, para sempre!”

Só que no final da 3ª temporada, Jerry conseguiu encontrar o caminho de volta para a família de qualquer maneira. Rick admitiu que “nenhuma genialidade pode impedir que suas raízes medíocres e vazias se concentrem em tudo e em todos os que estão ao seu redor, esgotando qualquer capacidade de afastá-lo”.

No final, pode não importar se Beth é um clone. Porque, apesar de tudo o que aconteceu, essa Beth escolheu Jerry ao invés de Rick.