Durante o painel Star Trek Universe na San Diego Comic Con, a CBS All Access revelou o primeiro trailer completo de Star Trek: Picard, nova aposta da franquia Jornada Nas Estrelas.

A nova série vê Patrick Stewart reprisando seu papel como Jean-Luc Picard de Jornada nas Estrelas: A Nova Geração. Stewart interpretou a personagem pela última vez no filme Jornada nas Estrelas: Nêmesis, de 2002. E é justamente esse longa que pode nos ajudar a entender mais um pouco a série.

Uma cena deletada do filme, que você pode conferir mais abaixo, pode sugerir coisas sobre o retorno de Picard. O trailer da série, revelado na SDCC, mostrou que Brent Spiner também retornará como Data, sua personagem em A Nova Geração.

Spiner também interpretou a personagem pela última vez Data em Nêmesis, e a cena deletada tem Picard e Data no início do filme refletindo sobre os temas que devem ser tocados na nova série da franquia Star Trek.

As escolhas de Picard

Picard fala sobre suas escolhas, que o levaram a abandonar outras maneiras de se viver, para dedicar-se à Frota Estelar. Veja como Stewart apresentou a cena quando ela foi liberada na internet:

“Picard e Data, com um copo de Château Picard, falam sobre os aspectos da vida que dizem respeito a mudanças, mudanças necessárias, evolução, perda, amizade e família, é claro”, disse o ator. “Isso é particularmente pungente para Picard porque, presumivelmente, Riker e Troi terão filhos, que pensamento! E, claro, Picard nunca se casou, nunca teve filhos. Sua vida tem sido a Federação, a Frota Estelar e a Enterprise. Seus filhos são sua tripulação”.

“Eu não quero ser sentimental sobre isso”, continuou Stewart. “Mas é verdade. E eu acho que ele tem um relacionamento um tanto paternal com cada membro de sua equipe. E agora está mudando. E eles estão indo para novas aventuras enquanto Picard está onde ele está, e … talvez um sentimento de que a vida está passando por ele”.

“É claro que ele precisa falar assim com o Data. Porque, em muitos aspectos, Data não entende esses sentimentos. Ele é uma máquina e não se pode esperar que tenha esse tipo de sensibilidade para as mudanças da vida. Mas a conversa que Data e Picard têm aqui é uma que vai ressoar através do filme e se tornar muito, muito potente nos últimos 10 ou 15 minutos do nosso filme”, concluiu.