Hong Chau como Lady Trieu em Watchmen (Fonte: Reprodução)
Hong Chau como Lady Trieu em Watchmen (Fonte: Reprodução)

Com quatro episódios terminados, Watchmen continua sendo uma caixa de mistério impenetrável na HBO, cheia de vibradores azuis e, agora, misteriosos vigilantes lubrificados, onde é impossível dizer o que é que está acontecendo com certeza.

If You Don’t Like My Story, Write Your Own introduziu diversas peças para o quebra-cabeça que está sendo montado em cima da graphic novel de Alan Moore e Dave Gibbons.

Uma nova cara importante é a de Lady Trieu (Hong Chau). Uma visionária líder em tecnologia farmacêutica avançada com o poder de criar um bebê do zero, Trieu é responsável pelo Millennium Clock, um contador de tempo imponente que se destaca da paisagem de Oklahoma.

Você provavelmente tem algumas perguntas sobre tudo isso. Então, vamos ao que parece realmente importar para o futuro da série:

O que está por trás de Lady Trieu?

A coisa mais importante a saber sobre Lady Trieu, além dela ser uma magnata incrivelmente rica, é o fato de que a Trieu Industries é proprietária da Veidt Enterprises enquanto Adrian Veidt (Jeremy Irons) está seja lá onde (ou quando) ele esteja, destruindo a sala de jantar com clones. E o processo de como Trieu absorveu a Veidt provavelmente será importante para o desenrolar dessa história.

Eis a essência, principalmente através da Peteypedia: a Trieu Industries comprou as empresas da Veidt no mesmo momento em que Adrian Veidt desapareceu. O conselho de diretores viajou para seu remoto refúgio na Antártida, Karnak, para falar sobre o acordo, encontrou-o deserto e simplesmente vendeu o trabalho de sua vida. Isso é… Objetivamente suspeito.

É como se um bilionário que possuía uma ilha particular e tivesse acesso à sujeira das pessoas mais poderosas do mundo se matasse misteriosamente em uma cela vigiada e nada mais fosse dito a respeito.

As indústrias de Trieu começaram oficialmente a administrar o patrimônio da Veidt em 2017, dois anos antes dele ser oficialmente declarado morto. “Olhem para minhas obras, ó poderosos, e desesperem-se”, disse Trieu logo depois, durante o processo inovador do Relógio do Milênio, como um “grito” para Veidt.

Mas ainda não temos certeza se Trieu está do lado ou se opõe ao Veidt, provavelmente ainda muito vivo. A abertura deste episódio parece sugerir que qualquer “tecnologia farmacêutica e biomédica avançada” que Trieu tenha acesso também é responsável pela criação da vida humana na prisão de Veidt.

Isso significaria que o Dr. Manhattan não é o criador. E ele pode até não ter sido a esfera brilhante no céu que Laurie Blake (Jean Smart) viu na semana passada, pois é bastante óbvio que uma das máquinas magnéticas voadores de Trieu foi responsável por pegar Will Reeves (Louis Gossett Jr.).

O que é o Millenium Clock?

“Ele diz as horas”, diz Bian (Jolie Hoang-Rappaport), filha de Trieu, para Laurie Blake e Angela Abar (Regina King). Certamente, nós podemos ver que é um relógio. Mas por que ele tem dez mil pés de altura e foi construído para suportar uma explosão nuclear?

Qualquer que seja o verdadeiro objetivo do Millenium Clock, ele não parece ser bom e estará pronto dentro de três dias. Não existe uma maneira real de dizer exatamente o que vai acontecer nessa data. Mas o nome do relógio em si pode ser uma pista. Millennium deveria ser a marca que substituiu Nostalgia, a linha de cosméticos de Adrian Veidt que abre caminho nos bastidores dos quadrinhos Watchmen.

Com isso em mente, certamente estamos começando a ver um “milagre termodinâmico”, onde tudo está conectado. Afinal, um relógio que compartilha um nome com o plano de Adrian Veidt de levar a humanidade a uma nova utopia superpoderosa não é por acaso.

Não esqueça de somar isso a uma organização terrorista marginal que está coletando material de lítio fabricado diretamente pelo Dr. Manhattan e com aquela estranha fala sobre a Rússia estar desenvolvendo um gerador de campo intrínseco, que foi o dispositivo que transformou Jon Osterman em Dr. Manhattan.

TUDO em relação ao Ozymandias

Menos uma pergunta, mais uma afirmação: nesta semana, Adrian Veidt finalmente confirmou o que especulamos por semanas. Isso é, o fato de que sua idílica propriedade rural é uma prisão que ele foi levado contra sua vontade e agora está tentando escapar. Também é uma espécie de fachada, pois os cadáveres que Veidt está catapultando para o céu desaparecem no nada. Mas enquanto estava claro que ele provavelmente estaria em Marte, uma transição de cenas pode indicar que ele está na verdade na Lua.

Contudo, a atualização mais intrigante que recebemos da Veidt é uma fala sobre tempo. Ele observa que já faz quatro anos que ele foi “enviado” para esta prisão. Então, supondo que Watchmen não esteja lidando com algum truque não linear (e definitivamente pode estar), a sequência cada vez mais suspeita de eventos se desenrolou assim:

  • 2012 – Adrian Veidt desaparece
  • 2012 – Trieu Industries compra Veidt Enterprises
  • 2015 – Veidt é enviado para onde quer que esteja
  • 2017 – A Trieu Industries começa oficialmente a administrar o patrimônio da Veidt.
  • 2019 – Veidt é declarado morto.

Onde estava Veidt nesses três anos entre o desaparecimento e o encarceramento? Lady Trieu é uma ajudante ou adversária nessa situação? Mais importante, por que o Sr. Phillips continua tentando entregar uma ferradura a Veidt?

O que eram aquelas pílulas?

Will deixou pílulas no carro de Angela e ainda não fazemos ideia do motivo. De qualquer maneira, podemos ver como Will e Trieu conversaram sobre as pílulas para ter uma ideia de que diabos eles são.

“Exposição passivo-agressiva”, Trieu diz; uma maneira extremamente abrangente de Will deixar Angela saber quem ele realmente é. Will, que pendurou um homem de uma árvore como uma maneira de se apresentar à neta, rebate com uma acusação de que Trieu está fazendo “a mesma coisa” com a filha.

Seja essa afirmação literal ou não, Trieu certamente está fazendo algo estranho com sua filha. Vemos que Bian está ligada a uma máquina médica enquanto dorme, pouco antes de acordar com lembranças de sonhos perturbadores e vívidos do que parece ser a guerra do Vietnã. “Eu estava em uma vila. Os homens vieram e queimaram”, Bian diz a mãe. “Então eles nos fizeram andar. Eu estava andando por tanto tempo. Mãe, meus pés ainda doem”.

O que caiu do céu?

Enquanto trocava um bebê por alguns acres na fazenda da família Clark, Trieu por acaso vê um objeto branco brilhante cair do céu noturno cair. As coisas aparentemente caem do seu em Oklahoma. E dificilmente a compra, tão apressada, não tinha a ver com isso, não é?

“Isso é meu”, diz Trieu, o ditado mais comum entre os bilionários. Esse estranho acontecimento ocorre alguns anos antes dos eventos da série Watchmen da HBO, vendo como os telefones públicos do centro de Tulsa e Dr. Manhattan surgiram mais tarde perto do local do acidente, e o Relógio do Milênio parece ter sido colocado sobre ele.

Isso… Parece muito importante, não? Uma esfera cai do céu e, em seguida, uma mega corporação constrói uma estrutura vistosa sobre ela. Algo peculiar está definitivamente acontecendo. Aqui estão algumas possibilidades sobre o que está caindo do céu desta vez:

  • Dr. Manhattan: A sombra de Manhattan paira sobre esse programa um pouco demais, a ponto de termos uma probabilidade de que o grande semi-deus azul não esteja apenas relaxando pacificamente em Marte, mas voltou à Terra há anos.
  • Adrian Veidt: Se Watchmen realmente está se apresentando de uma maneira não linear secreta, tudo o que vimos com Adrian Veidt poderia ter acontecido no passado, e o que assistimos aqui é sua bem-sucedida tentativa de fuga. Considerando a posição de suas empresas, o “isso é meu” de Trieu pode ser bastante literal.
  • Um dos muitos cadáveres nus do Sr. Philips disparados de uma catapulta fora da Terra: “Isso é meu”, novamente, literal.

É claro que não deve se desconsiderar a possibilidade de que o que caiu simplesmente ainda não foi apresentado de forma alguma e veremos mais tarde no show.

Quem é o misterioso lubrificado?

Precisamos esquecer todo o resto porque o mistério mais bizarro até agora de Watchmen é esse de aparência alienígena que se banhou em lubrificante e deslizou para um bueiro como se fosse uma Tartaruga Ninja da deep web. Não é nem possível começar a teorizar sobre o que está embaixo dessa roupa.

Mas há uma coisa muito importante a ser lembrada: o Homem-Lubrificante (nome oficial pendente) testemunhou Angela despejando os restos da cadeira de rodas de Will Reeves e, pouco depois, Laurie Blake falou com Angela sobre Reeves.

“Você sabe que garotos de cem anos tendem a se locomover em cadeiras de rodas”, diz Laurie. Não é possível que alguém que trabalha para a Força-Tarefa Anti-Vigilante possa ter acesso a alguns vigilantes de baixo nível? E vale dizer que uma roupa tão apertada dá forma para um corpo que cabeira muito bem em Petey!